sábado, 22 de novembro de 2008

Runaway

That's all I want to do.

sábado, 15 de novembro de 2008

Sensation

Provocas em mim uma sensacao de euforia extrema, e o meu coracao acelera, e as pernas cambaleiam quando voce passa por mim...

Daughter

Suposicao: esqueceram de me entregar o manual de filhas quando nasci...

quarta-feira, 12 de novembro de 2008

1 ano

Um sonho que gradualmente se transformou em realidade, e que, ao me dar conta, ja estava concretizado no meu todo dia.

I couldn't believe it!
But it is so real! xD

segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Animosity

–noun.
a feeling of strong dislike, ill will, or enmity that tends to display itself in action.


I feel like I'm gonna explode!

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Mom

She's sooo annoying, but sooo funny.

Life was pretty damn noisy when she was around, but now it just feels sooo empty....

I'm 20 years old, and I miss mom like hell!

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Distance

Em dois anos, nunca estivemos tao distantes um do outro...

It's kinda unbearable...

quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Inevitavel

As vezes contenho a alegria em ver-lo se esforcando para me fazer sentir bem.
Sao momentos tao precisos que so quero guardar-los em uma caixinha de ouro.
E sei que ele sente atraves dos meus olhos e da minha voz a tristeza que nao consigo conter.
E apesar de saber que eh inevitavel, nao consigo evitar uma pequena tristeza... vai entender...

sábado, 11 de outubro de 2008

Sixth Sense?

Ate parece que eu senti que ele nao vinha mais.
Aquele pensamento que me invadiu logo antes de eu adormecer tao do nada.
Ate pensei que pudesse ser maluquice da minha cabeca...
Pois se confirmou apos 10 minutos que tinha acordado: ele nao vem mais.

Eh... parece que eu senti mesmo...
E depois do sonho ruim durante a noite, so eu perdi a mensagem que ela queria passar...

O que eu achei que fosse bem especial nao passa de mais um dia do tempo indifundivel...

Nesta hora, quem conseguiria convencer os olhos de que nao tem porque chorar?

segunda-feira, 6 de outubro de 2008

He said...

Eu queria poder viver todo dia desse amor, dessa companhia, dessa simplicidade.
Eu queria poder viver todo dia desse sorriso, dessa alegria, dessa cumplicidade.
E queria poder viver todo dia ao seu lado, com o seu cheiro, a composicao da minha totalidade.

Hoje foi o dia que ele falou. 2x.
E foi o dia em que eu tive um sonho ruim.
Mas foi o dia em que ele disse para mim o que almejei ouvir esses tempos todos.
E foi um dia lindo. Lindissimo!

O dia da longa tarde de sono e sonho.
Louco.
Meu dia. O nosso dia.

Foi simples... Eu te amo.

domingo, 5 de outubro de 2008

Esperar

Eu nao sei lidar com a espera, apesar de ser o ato que pratico com silencio.
Eu nao sei encarar-la, sem me perguntar se devo me julgar culpada por esperar.
E nao sei conter a tristeza que invade, mesmo que eu tente usar meios eficazes para combate-la.


E tudo isso nao se passa de fruto de uma inseguranca, da sensacao de abandono, da sensacao de nao-importancia, da sensacao de que sou tao descartavel que tanto fez, como tanto faz me ligar...
Eu so precisava de uma confirmacao...

quinta-feira, 2 de outubro de 2008

Tempo

A passagem dela foi tao rapida, tao momentanea, que quando pisquei os olhos, ja se passaram minutos, e horas, e dias, e semanas, e meses.....





Quanta diferenca...

segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Mode On

Parece que tomei 50 litros de energetico, sabe?
Estou com energia que corre centimetro a centimetro dentro do meu corpo.
Parece que nao vai acabar mais?

Nem sei de onde veio tanta disposicao...

I'm ON!

domingo, 28 de setembro de 2008

Come and Go

I come and go just like I have nothing to say
And it wouldn't hurt at all if you walked away
I come and go just like I was told to do like this
And your presence would definitly be something I would miss


In between expectation and no expectation, I think that I'm doing a pretty good job. ^^

sábado, 27 de setembro de 2008

Emotional Retaliation

It's that time of the month, which I cannot get over.
And it's like, I'm ok, but I'm not.
Don't really get it...

And then, when it isn't going the way I kinda expected...
And I kinda ok with it...
I can't help but to retaliate.

Falsely thinking it's against him.
But really, it's against myself.

Well, I still can't help doing it.

sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Elation

As vezes nao precisa de muito.
Eh, aprendi isso a muito tempo atras... e ainda assim me impressiono quando percebo o quao real essa afirmativa eh.

Muitas vezes, so a companhia basta.
As vezes, o silencio ja diz tudo.

E apesar de gostar tanto de escrever, de gozar do momento do registro, eh bom falar.
Eh bom formular com as palavras ditas tudo aquilo que eh de mais importante.
Eh bom exercitar o dom da fala, e ver um resultado positivo.

Eh bom andar de maos dadas na rua com ele.
Eh bom chegar em casa e encontrar um vazio so nosso.
E eh bom falar para ele, e escutar, em retorno, tudo aquilo que me torna mais forte.

He is my harbor.

quinta-feira, 25 de setembro de 2008

O meu menino

Amo ver-lo deitado na minha cama, espreguicando-se sobre o meu lencol, com aquela velha e encantadora cara de sono, me olhando nos olhos com seus olhos preguicosos, e levando no rosto aquele sorriso de leve, como que me chamando para deitar-me por mais cinco minutinhos.

Amo ver-lo no meu banheiro, parado em frente ao espelho, escovando os dentes...


La estava ele, com o seu corpo nu, ainda com respingos da agua do banho quente no corpo, cabelos molhados que davam vida a aquele preto consistente, e com uma bermuda sem estampa, da cor do nada. As quatro lampadas que iluminavam o banheiro captavam a sua imagem, e pelo espelho reproduziu a beleza morena que em sua frente estava posta. Com o seu braco esquerdo apoiado ao lado do espelho, usou a mao direita para segurar a escova de dentes. Comecou a escovar-las. Dentes brancos e bem arrumados, que insistiam em se esconder por tras daquela espumada toda. Ele abaixava a cabeca, e analisava aquele ritual. Olhava para cima, e checava se estava tudo em ordem. A escova de dente fazia o bom e velho movimento de cima-baixo. De vez em quando, fazia o movimento giratorio. Escondida no canto da porta estava a menina. Mal pode ela esperar para ver-lo esconvando os dentes no seu banheiro. E aquela figura alta e morena a encatava, de todos os jeitos. Pelo seus olhares envergonhados lancados atraves do espelho, pela cor da sua pele que fazia o mais belo contraste de todos, pelos seus cabelos que luziam de tao preto, e ate pelas gotas de aguas que escorria pelo seu corpo. A menina nao conseguia tirar os olhos daquele rapaz que estava em sua frente. De costas para ela, ele se empenhava na sua tarefa diaria, enquanto ela guardava em sua memoria aquela imagem. "Nunca", ela pensou, "nunca vou esquecer do que meus olhos registram neste momento." Nunca ela iria esquecer das cores que dancaram em conjunto para formar a figura do seu menino diante do seu espelho. "Tudo meu", ela pensou, "tudinho meu". Aquela familiaridade em ter-lo na sua casa, no seu banheiro, escovando os dentes diante do seu espelho, e indo para a cama com um doce "boa noite" ao vivo, era simplesmente inestimavel. Eh ele, esse menino tao bonito, que a hipnotiza com cada gesto bobo e banal do dia-a-dia.

quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Numb

Ando tão cansada, tão apática ultimamente...

Acho que é o cansaço e o ânimo de fazer trabalhos de dinâmica e provas malucas....

ixi....

domingo, 14 de setembro de 2008

Hard

It's the first time ever I feel it is so hard to love someone.
Never has it been so hard to love someone who loves me back.


I can't get over myself.

quinta-feira, 11 de setembro de 2008

Writer's Block

It feels like there's a Nile River between me and my imagination...

sábado, 30 de agosto de 2008

Child

It's me.

A child who can't deliver, can't say, can't feel, can't comunicate.

Who wants so much, but knows so little...

Powerless.

quinta-feira, 28 de agosto de 2008

The Change

It's so frightening, so scary, so unpredictable, so vulnerable.

But it's happening.



E ele me disse: "o ser nao eh imutavel..."
E para mim, foi a perspectiva muito assutadora...


Changing....

segunda-feira, 25 de agosto de 2008

Humildade

Nao me lembro de terem nos apresentado, nem lembro de quando a esqueci...

domingo, 24 de agosto de 2008

Afundar

Nao entendo o porque do ser humano ter um gosto (ou um prazer) sobrenatural de lamentar-se.
Parece que quanto mais fundo um lamento, maior a auto-pena, e quanto maior a auto-pena, mais necessidade a pessoa sente.

E eu estou muito cansada do meus auto-lamentos e auto-consolacoes.
Me parece que quanto menos eu me afogo no meu mundinho particular, menos o mundo ao meu redor importa. E quanto menor eh a importancia, tudo se desfaz com o tempo.

Vai entender...
Vai entender porque esses momentos sao mais fortes que os momentos felizes...

segunda-feira, 18 de agosto de 2008

Unspoken

How can unspoken words hurt so much, when they have already been said over and over again in my mind?

domingo, 17 de agosto de 2008

To Change

Acho que nem sempre eh para melhor ou para pior.
Eh somente uma mudanca.
Talvez nessa situacao seja melhor, talvez na outra fosse pior.
Nao sei. Nao tem como saber.

As cartas? De agora em diante, somente para mim.
A saudade? De agora em diante, somente para mim.
A declaracao? De agora em diante, tambem, so para mim.

O que sempre foram minhas, guardarei para mim.
Aprenderei a nao expor-las, nao dividir-las.
Nao quero mais demonstrar inseguranca, nem me sentir mais como um fardo.

Uma mudanca.

sexta-feira, 15 de agosto de 2008

People

Um questionamento que se concretizou.
Maybe it has always been a given, though I couldn't realize...
People are weak.
Sim, os seres humanos sao tao frageis, tao frageis, tao frageis...

quinta-feira, 14 de agosto de 2008

The Rain

Comecou com gotas grossas, porem lentas.
Nao tardou para sentirmos a forca daquela chuva.
Em questoes de minutos, o ar se enchia de agua.

Nao tinha onde se esconder, entao corremos.
Nao conseguia parar de rir.

Segunda chuva, primeira chuva.
Com ele, so com ele.

Nao foi so a chuva que levou meu negativo embora
Eu sabia que ao se lado, outras coisas se tornam tao desimportantes...

domingo, 20 de julho de 2008

I love you, xuxu, too

I really thought about the "I told you so"...
But it never really did come up.
I was dazzled by the outcome.

He slept, and I called.
He answered lazily, and I was so disappointed.
He showed up, and I really forgot what I wanted to say.

"Vamos durmir?"
"Vamos."
...
"Eu tive um sonho em que a gente brigava"
"Sobre o que?"
"Voce ficava com outro na minha frente."
"Seu besta, isso jamais vai acontecer!"

Ansia de uma torta, depois um ovomaltine.

Torcemos aos gritos e expectativas.
Xingamos durante as faltar injustas.
E comemoramos o belo 1x0 suadissimo.

I told him a secret, and in return, he said:
"I love you, xuxu, too."

sexta-feira, 4 de julho de 2008

Bus

Verdade, o onibus demorou para passar dessa vez.
Eu so via a impaciencia dele acumular a medida que ele sentava comigo esperando o diabo do onibus passar...


O que ele nao sabe eh que eu secretamente desejo, dentro de mim, que o onibus demore bastante para passar, pois assim, a cada minuto de atraso, eh mais um minuto que ele fica ao meu lado...

segunda-feira, 30 de junho de 2008

Wall-E

Heart touching... exactly what I needed to end up such wonderful day I spent with him.

sexta-feira, 27 de junho de 2008

Night

Pensei em ir, em nao ir.
Pensei que seria bem legal, seria um porre.

Animei.
Pensei que tivesse tomado a decisao errada.
Torci para que tudo desse certo.

Aconteceu sem previsao, e achei que tinha perdido a noite.
Me afoguei em angustia, arrependida da minha decisao.
Mas apos o sopro forte do vento, passou.
Acho que o vento levou...

E foi lindo.
Me senti querida.
Me senti dele.
Me senti feliz.

Dentre as risadas, a comida, o vento, as dancas, sempre tinha um beijo e um carinho.

sexta-feira, 20 de junho de 2008

Turkey vs. Croatia

Que jogo lindo!!! xDD




I felt so pretty today.... ^^

segunda-feira, 2 de junho de 2008

Paciencia

Perdeu-se entre a dominancia de poucos e o silencio de muitos.

domingo, 1 de junho de 2008

Sleep

Era um gosto sem explicacao.
Se tornou uma obrigacao.

O seu quarto era o refugio.
A sua cama o meu barco.
Os seus bracos, meu porto seguro.

Dormi sem preocupacao, sem pensar.
Apenas dormi... entre a mais perfeita calmaria.

quinta-feira, 29 de maio de 2008

Crazy/Beautiful

It's us.
In between there's only us.

Sou eu no seu. Contraste.
No mais belo claro e escuro.
Dentro do romantismo dos polos.

Voce me ressalta.
Assim como tu te tornas a criatura mais bela no contraste da minha cor.

Nao ha sentido.
It's simply beautiful. S2

domingo, 25 de maio de 2008

Ego

Male Ego.
Fuck male ego.

domingo, 18 de maio de 2008

Falling in love

Mesmo com raiva, mesmo magoada, mesmo chorosa, mesmo decepcionada, ou ate mesmo com odio, percebi que todas as vezes que te vejo, me apaixono novamente.

Sabe quantas vezes sao isso?
Perdi a conta!

E continuo me apaixonando a cada vez que te vejo.... S2

sexta-feira, 16 de maio de 2008

Sonhos

Numa realidade mental, eu vivo a verdade.
E nunca houve verdade tao nua.
Nunca antes percebi o quanto essa realidade mental refletia a minha realidade real.
Eh real sim! Eu acredito.
E eh de forca tao grande, que me entorpece.

Vem a verdade.
A verdade que nao consigo colocar em palavras.
Palavras que me soam pela primeira vez.
Eh a verdade.

Nunca a vi tao perfeita...

segunda-feira, 5 de maio de 2008

Consciente

Eu preciso de paz.
Nao queria ser tao consciente das coisas, dos problemas.
Nao queria saber nem sentir.

I want to be numb.
Asleep.
Not aware, or awake.

Eu queria que tudo que eu sinto seja esvaziado de mim, mas sem abrir um buraco.
Nao quero sentir falta.
Nao quer ter consciencia dessa falta.

Nao sei a que remete as lagrimas que insistem em cair.
I want to live for myself.


"A man who is master of himself can end a sorrow as easily as he can invent a pleasure. I don't want to be at the mercy of my emotion. I want to use them, to enjoy them, and to dominate them." - Oscar Wilde

domingo, 4 de maio de 2008

Desejos

Eu tenho vontade de vivenciar tudo aquilo que ja me prometeram.
E vontade maior de passar por tudo aquilo que ele me prometeu.
Promessa ou nao promessa, nao importa, criou esperanca.

Eu queria um por do sol particular. Eu queria uma tarde particular. Eu queria uma viagem particular. Eu queria um meu particular.

E na ausencia de tudo isso, acho que ja esta na hora.

Ouco uma voz dentro de mim gritando pela libertacao.
Libertar-me de tudo que me faz sofrer e pensar.

Eu quero um meu para mim. Um meu que possa me dar reciprocamente o que estou disposta a doar.
Eu quero uma liberdade, sem obstaculos.

Eu cansei de chorar...

quinta-feira, 1 de maio de 2008

E se...

E se eu tiver esperando algo impossivel, está na hora de desistir?
Será que realmente desistimos por preservação de algo belo e delicado?
I'm not sure.

Everyday

Eu perguntei: "voce pensa em mim no seu todo o dia?"

terça-feira, 29 de abril de 2008

Give up

My heart gives up.

segunda-feira, 28 de abril de 2008

Confusa

Nao sei de onde vem esses sentimentos que do nada me abalam de maneira tao forte.
Nem sei de onde surge esses pensamentos que me desanimam e faz meus dias desmerecidos.

Talvez eu esteja cansada de esperar, de pensar, de me doar, de especular, de gostar, de amar.
Talvez eu sempre mude, mas o outro sempre nunca.
Entao ate quando eu tenho que mudar?

De vez em quando eu digo que tenho saudades, so para ouvir de volta a mesma coisa... Talvez isso me deh a falsa sensacao de que seja reciproco.

Preciso de ferias da vida.
Preciso desligar.

quinta-feira, 24 de abril de 2008

204 pieces

de quebra cabeca da alice no pais das maravilhas.

Tudo bem que o cinema nao deu certo, mas montar o quebra cabeca foi, com certeza, muito mais divertido!

Eh lindo o ver tao serio e tao concentrado! Mais lindo ainda eh ver a sua agonia por nao conseguir se concentrar em duas coisas diferentes....

Agora tenho mais que certeza de que ele faz dos meus dias mais felizes. A simples presenca dele foi o suficiente pra me fazer sorrir a noite inteira! Para que mais?

segunda-feira, 21 de abril de 2008

Feriado

Cheiro de mar.
Ar do litoral.
Clima do sol bombardio.

O dia iniciou com sono. Um sono de preguica que logo foi espantado pelo sol que ardia do lado de fora. Primeira ligacao:
- Vamos comer carangueijo hoje?
- Vamos!
- Mas vamos tomar banho de piscina antes?
- Vamos!

Fechou. Segunda ligacao:
- Te acordei, foi?
- Nao, ja tava acordando
- Hum, preguica! Quer vir tomar banho de piscina aqui em casa?
- Massa, vou sim!

Fechou. Foram tres horas de sol. Tres horas de muitas risadas e otimo aproveitamento. E depois veio o carangueijo. Nao consigo me recordar da ultima vez que tinha comido um carangueijo, so sei que quando chegaram a mesa, o silencio reinou.

Ah claro, e logo depois veio o meu primeiro por-do-sol. Num piscar de olhos vi o sol sumir. E foi a coisa mais fantastica dos meus ultimos tempos.

Final do dia? Um yakissoba feito pelo meu chefe particular, um filme de comedia previamente assistido (que nao impediu que eu desse risadas novamente), e a melhor companhia que eu poderia ter tido num dia tao bonito.

domingo, 20 de abril de 2008

Over-night

Noite de liberdade.

Ouvi a melhor musica, e estive na melhor companhia.
E numa cama bem apertada, passei uma noite muito mal durmida.
Mas por todo os lados perdurava o seu cheiro, o meu favorito.
E la do lado de fora, o som empurrava todos aqueles em minha volta que fazem qualquer coisa valer a pena.


Naquele espaco, nao tinha mais para ninguem!

quarta-feira, 16 de abril de 2008

Fuga

Fingimento, esquecimento, negacao.
Em busca de um escape, de um refugio, eu fujo.
Fujo daquilo que nao quero me deparar, daquilo que nao sei lidar.
Fujo porque nao consigo lutar.
Fujo por covardia.

A coragem sumiu.
A coragem nao dirigiu mais palavras a mim.
A coragem.... foi embora.


E quando me dou conta, o que me resta sao as fumacas.
Por que so fumaca?
Me cega, fede, me entorpece.
Tenho falsa sensacao de completude.

Inalo?
Ou expelo?

terça-feira, 15 de abril de 2008

Pao

Com manteiga e acucar.

Era mais ou menos 4h30 da tarde quando ele saiu do quarto lhe dando um beijo na testa, e a deixou deitada na cama. Logo em seguida ela levantou, o seguiu, e ao chegar na cozinha, olhou discretamente pelo canto da porta. E ela o viu. Encantou-se pela imagem que ali estava: ele, alto, sem camisa, com um short estampadissimo em verde e amarelo, e com a tatuagem a mostra, estava de pe em frente a mesa que, por sua vez, tinha um prato de bordas floridas com dois paes. Ele abriu os paes e, com um jeito sem jeito, passou manteiga em ambos e depois despejou acucar por cima da manteiga. "Quer o tradicional ou esquentado?" ele perguntou. "Quero o que for mais gostoso", disse ela em retorno. "Entao vamos comer os dois!". Foi a decisao. Quando os paes ficaram prontos, eles voltaram para o quarto, um do lado do outro. Ela, bobinha, foi andando do lado dele, que por sua vez, carregava com a mao esquerda o prato florido com os dois paes.

E foram os 20 minutos mais felizes do dia dela, pois a cada bocada, a imagem que a encantou voltava a sua memoria, e ela lembrava do carinho que deve ter sido depositado pelo rapaz que preparava o primeiro pao com manteiga e acucar da vida dela.



Era o meu.
Meu paquerinha, meu bunito, meu presente, o meu que me deu um beijo e fez soar a voz mais bonita do meu dia.


S2

quarta-feira, 9 de abril de 2008

Ferias

Ele disse: "Se deh ferias hoje. Vamos ficar de deitados de barriga pra cima o dia inteiro. Nao vamos pensar em nada hoje."

Eu queria um abraco.
Ele me deu uma tarde de preocupacao zero, no qual eu so conhecia eu e ele.

It meant the world to me.

domingo, 6 de abril de 2008

Cosmo

Aprendi esse termo um dia desses aih...
E de repente me vi cercada por isso.
Na verdade, o cosmo sempre existiu, eu que nao enxergava...

E de todo ganho, existe uma perda.
Para cada recompensa, existe uma desistencia.
Eu escolhi.

As coisas conspiram
E a energia tb.
E tudo terminou do jeito que terminou.

It was first wild.
Then it was drunk.
Then it was adventure.
Then it was a search.
It finished in a dead-end alley.

Talkative, but transcendental.

domingo, 30 de março de 2008

In between music

We see the groove, the joy, the happiness, the static, the status quo, the love in all that jazz.

In between music, alcohol and smoke.

We hide once, twice.

Pure pleasaure.

quinta-feira, 27 de março de 2008

Self-love

It lies between me and the other.

When it comes down to it, I'm better off without you.

Smoking pleasure.

quarta-feira, 26 de março de 2008

The good

É estar assim.
Estar com eles, estar com ele.
Saber o que é bom.

Saber que estou boa.
De boa.
Tranquila.
De boa.

Pulinhos de alegria aqui.
Sorrisinhos escondidos ali.

Consciente.

terça-feira, 25 de março de 2008

Babylon

Somewhere we should all go someday.

I like it.

Marco historico.

domingo, 23 de março de 2008

Deceiving

We are always misled.

To think that it could be better.
To think that it could be worse.
To think that this is the best way.
To think that this is the stupidest way.

I thought that he would hate it.
I thought that it would not be enough for him.
I thought...
I thought...

No good to think.
No good to think too much.

I was deceived.
And the result turned out to be better than expected.

Love having you around.
Love you.

sábado, 22 de março de 2008

Stop

I'm fine.
And again, I'm fine.
I've stopped waiting.
I've stopped thinking.

It's hard.
But it's fine.
To live on what's mine.

For the first time
I realized
That everything is just fine.

It was the beating of his heart.
It was his presence on my bed.
It was his hug that held me tight.

I've stopped.

sexta-feira, 21 de março de 2008

To Wait

I guess I'm tired of waiting...

terça-feira, 18 de março de 2008

Chilling Out

Se duas medicas de especialidades totalmente diferentes me dizem que estou o retrato do stress, quem sou eu para dizer o contrario!


Tudo eh coisa da minha cabeca! ;P

segunda-feira, 17 de março de 2008

Dizer e querer

Tem horas que eu acredito nao ter dito o suficiente
Tem horas que eu percebo que ja falei mais do que o necessario.

As vezes eu acho que sou eu
Mas tenho certeza que eh voce.

E quando nao eh mais suficiente, o que devo fazer?
Te querer?
Abrir mao?

Eu nao posso querer o meu querer
Meu querer eh ideal.
Eu quero poder viver
Viver um perfeito surreal.

sexta-feira, 14 de março de 2008

Paciência

Mesmo quando tudo pede um pouco mais de calma
Até quando o corpo pede um pouco mais de alma
A vida não para




- Lenine

segunda-feira, 10 de março de 2008

The way I do

Didn't wanna want you
Didn't wanna need you so bad
Didn't wanna wake up
And find that I was falling so fast
Didn't wanna need you
Didn't wanna need anyone
Now look what you've done




- Marcos Hernandez

domingo, 9 de março de 2008

Jazz

Na melhor companhia, presenciei musica se transformar em onda.
Senti cada nota atingir a alma com delicadeza.
E vi a nossa vibe pulsar em conjunto.

Adotamos os prodigios.
O gordinho boneco prodigio.
O menino baterista prodigio.
Todos prodigios.

Nos denominamos os prodigios.
A backvolcal prodigia.
O guitarrista prodigio.
A vocal prodigia.
O menino pagode prodigio.

No meio dos cones, saboreamos os bairros de Salvador.
Ah sim, temaki eh viciante!

E no meio de todo esse clima,
O registro ficou por conta de figuras permanentemente gravadas.

It was me.
It was him.
It was them.

What more could I ask after experiencing such wonderous joy and happiness after each kiss, hug, and smile?

I'm blessed, and in love with positive conspiracy.

Definicao

Na hora em que escutei aquelas palavras saindo da caixa de som, soube imediatamente que estava definindo o sentimento mais bonito que tenho.

E de fato, se existe um tipo de amor que seja eterno, com certeza seria esse que divido com o meu xuxu (L).



Nobody gonna love me better, I must stick with you forever.

- Pussycat Dolls

quinta-feira, 6 de março de 2008

Simple truth

Acho fascinante como lembro EXATAMENTE do dia, da hora e da ocasiao em que me apaixonei por ele...

terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

To Be

It's hard to be.
It's hard to know.
It's hard to know to be.
It's even harder to know how to be.

It's easy to forget how to be.
But it's hard to remember how it used to be.

I'm just being.
I want to be better.
I will be better.

domingo, 24 de fevereiro de 2008

Despedida

Foi uma tarde, um jogo, uma torcida.
Terminou com uma vitoria, e toda a alegria de uma campeonato vencido.
It was fun.

Vi pessoas correndo e gritando pela rua.
Ri daqueles com a consciencia alterada.
Andei cercada de pessoas que dao significado a minha vida.
E senti o coracao de todos nos bater em conjunto.

A primeira lagrima chegou desprevenido e quebrou o longo silencio.
Ouvi coisas que nunca imaginei escutar.
Foi entao que eu vi que todo o meu amor por ele nunca foi em vao.

Se eu pudesse intervir no futuro, o quero aqui comigo.
Dizer um simples "tchau" doi.
E naquela cartinha inclui, em poucas palavras, tudo que ele precisava saber.

Foi uma despedida, e com ela foi junto um pedaco de mim e dos meninos.
Isso eh amizade.
E me impressiona o quanto ela eh bela.

Imperecivel, infalivel, perfeito, permanente.

sábado, 23 de fevereiro de 2008

Roller Coaster

Estar no Brasil foi que nem subir numa montanha russa.
Cheguei cheia de expectativas, e no final nao sabia o que era de se esperar e o que nao era.

Duas semanas foram o bastante para viver o que pensei ser alegria e o que pensei ser tristeza.
Duas semanas de risos, dor, felicidade, tristeza, carinho, e medo, tudo junto como se fosse um intensivao.

Nao quero passar por isso de novo.

A partir de hoje, recolho meus sentimentos como uma crianca que recolhe seus brinquedos espalhados pela sala. Necessario e inadiavel.

It's good to be able to hold on.

terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

Sweet Bitter

不用等你開口先說我愛你 在那之前想對你說我願意
你不必問 你也不必等
這一刻 就值得愛到永恆
我該如何讓你明白我愛你 在那之後你點頭說我願意
想照顧你 想守護著你
這一刻 只想把你抱緊


No need to say, I'll say I love you, and even before that, I'll say I do.
No need to ask, no need to wait.
This moment, it's worth love till eternity.
How to make you know I love you? And after that, You'll say I do.
This moment, I only wanna hold you tight.



- 棒棒堂 Lollipop

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2008

Together

Why is it people want to be surrounded by what they like?

quinta-feira, 24 de janeiro de 2008

Dawn Suprise

Felipe says:
(...) vc tras luz a minha vida




E por isso valeu a pena acordar no meio de uma noite de insonia. xD

quarta-feira, 9 de janeiro de 2008

Bubble

Bubbles are hope.
Bubbles are my hope.
The kind of hope I send up the sky.
I trap the words and send them up high.

I send my hope through thin air,
Just hoping it will get there.
I wish others could feel
The hope that the popping reveals.

Bubbles are hope.
I sent them to fly to whoever was destined to.
I hope it can reach each person through.

segunda-feira, 7 de janeiro de 2008

A thousand times a day

And every time I see you, I still hear trumpets...






- The Early November

quarta-feira, 2 de janeiro de 2008

Mixture

De cara com um novo ano, mas com uma sensacao de mesmice.

Nao eh nenhum tipo de joy, nem tristeza, tampouco simplicidade.
Eh que nem aquele zunido que faz no ouvido depois de ouvir um som as alturas do lado da caixa.

E com tanto coisa e ao mesmo tempo nada going on, perdi a nocao do que eh importante registrar e o que nao eh.
Nao sei ao certo o que se deve escrever e o que se deve esquecer.
So sei que mesmo com essa confusao incessante, tem certos sentimentos que nao mudam.

Eh uma mistura de tudo. Tudo.

Uma saudade que me afoga com inseguranca e uma sudden realization of something I thought lost. It turned out that it was not lost at all. E ambos fazem meu coracao apertar, apertar, apertar...